sábado, 6 de julho de 2013

Bandidos invadem e roubam Museu de Chico Xavier, em Uberaba

Local é uma espécie de memorial sobre a trajetória do médium

Armados e encapuzados, criminosos renderam funcionárias da livraria e reviraram o imóvel
A livraria espírita, o Museu de Chico Xavier, um dos maiores médiuns do país, e a casa onde reside o filho adotivo dele, Eurípedes Higino, foram alvo de ladrões na manhã desta sexta-feira (5), em Uberaba, no Triângulo Mineiro. De acordo com informações da Polícia Militar (PM), os bandidos estavam armados e encapuzados. Os criminosos renderam as duas funcionárias da livraria e, por cerca de 20 minutos, reviraram todo o imóvel.

As vítimas foram surpreendidas pelos assaltantes quando abriam a loja. Segundo os policiais, as funcionárias foram amarradas e amordaçadas pelos criminosos, que roubaram dinheiro, eletroeletrônicos e joias. Uma quantia em moedas estrangeiras – dólares e euros – também foi levada, mas as vítimas não souberam informar o valor exato.
Durante a ação, de acordo com militares, as funcionárias da livraria especializada em artigos espíritas, que leva o nome de Chico Xavier, teriam visto dois ladrões; no entanto, a polícia não descarta a hipótese de que uma terceira pessoa tenha participado da ação, dando cobertura a comparsas do lado de fora da casa para facilitar a saída do grupo.
Na fuga, os bandidos ainda levaram o carro do filho do médium, que estava estacionado na garagem do imóvel. Os policiais informaram que Eurípedes Higino estava viajando no momento do assalto. Antes de ir embora, um dos suspeitos teria ainda ameaçado as funcionárias da loja e ordenado que as vítimas aguardassem duas horas para chamar a polícia.
Umas das pistas que podem ajudar na identificação dos assaltantes são as imagens registradas pelo circuito interno de câmeras de segurança da livraria. O material gravado já estaria de posse da Polícia Civil de Uberaba, responsável pelas investigações do caso.
Ninguém foi preso até o momento.

Fonte: O Tempo Cidades

terça-feira, 2 de julho de 2013

11 ANOS DE CHICO XAVIER NA ESPIRITUALIDADE


Dia 30 de junho de 2002, retornava à Pátria Espiritual em Uberaba o médium mineiro Francisco Cândido Xavier.

As obras que psicografou vão a mais de quatrocentas. Várias delas estão traduzidas e publicadas em castelhano, esperanto, francês, inglês, japonês, grego, etc.

A série de Emmanuel, composta de: "Há 2000 Anos...", "50 Anos Depois", "Ave, Cristo!", "Paulo e Estevão". 

"Há 2000 Anos..." é o relato da encarnação de Emmanuel à época de Jesus.

De Humberto de Campos (Espírito), aparece, em 1938, o profético e discutido "Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho", uma história de nossa pátria e dos fatos e ela ligados, em dimensão espiritual.

Trios Importantes – Autoria espiritual, André Luiz – psicografia de Francisco Cândido Xavier

Três verbos existem que, bem conjugado, serão lâmpadas luminosas em nosso caminho –

Aprender,Servir e Cooperar.

Três atitudes exigem muita atenção – Analisar,Reprovar e Reclamar.

Dê três normas de conduta jamais nos arrependeremos –

Auxiliar com a intenção do bem, Silenciar e Pronunciar frases de bondade e estímulo.

Três diretrizes manter-nos-ão, invariavelmente, em rumo certo –

Ajudar sem distinção , Esquecer todo mal e Trabalhar sempre.

Três posições devemos evitar em todas as circunstâncias –

Maldizer,Condenar e Destruir.

Possuímos três valores que, depois de perdidos, jamais serão recuperados –

A hora que passa,A oportunidade e A palavra falada.

Três programas sublimes se desdobram à nossa frente, revelando-nos a glória da Vida Superior –

Amor, Humildade e Bom ânimo.

Que o Senhor nos ajude, pois, em nossas necessidades, a seguir sempre três abençoadas regras de salvação –

Corrigir em nós o que nos desagrada em outras pessoas.

Amparar-nos mutuamente.

Amar-nos uns aos outros

Fonte: Espirit Book - Postado por claudie lopes