sábado, 20 de abril de 2013

Beneficiado


Podes ajudar a ti mesmo, beneficiando aos outros, não deixando que participe, a exigência, do benefício. "Se és sábio, para ti mesmo o és". Diz o provérbio, porém, podes distribuir a tua sabedoria, fazendo que por ela alguém possa receber a luz do entendimento. Fica sabendo que toda sabedoria vem de DEUS... Todos!... Mas, todos, sem exceção, somos herdeiros do Senhor.

Não deves alimentar o orgulho e a vaidade, por saberes mais um pouco que os outros. inteligências amigas te ajudaram a colher as experiências de que desfrutas. Faze o mesmo, porque antes de dares já recebestes, da Sabedoria Divina.

O maior beneficiado pelas tuas virtudes és tu mesmo.

Esquece o revide das ofensas, por terem o mesmo sabor da vingança.

A vingança é o caldo da maldade, e a excrescência do ódio.

Ajuda a quem te ofende, com o perdão. Ampara quem te apedreja, com a tolerância; auxilia quem te fere, com a oração; e sê benevolente para com todos os maldizentes, pois nesse clima de paz, meu filho, tu serás, para todos eles, um pai de bondade e amor. E jamais perderás por isso.

Nunca exijas dos que foram beneficiados por ti. Qualquer espécie de paga, gratidão forçada, é consciência oprimida.

Nunca fiques ressentido porque se esqueceram de mencionar o teu nome dentre as Almas generosas. Nomes em placas não são garantia de elevação.

Sente-te igual a todos, porque tu somente és, o que és.

Se admiras os sábios, não ouças os bajuladores. Eles jogam flores em tua cabeça e espinhos nos caminhos por onde passas.

Todo benfeitor goza daquilo que dá. Todos os mamíferos sentem emoções indizíveis ao sustentar seus filhos. O leite da mãe tem algo que os outros alimentos não possuem: o amor, ou os rudimentos do amor... E os beneficiados irradiam contentamento, por serem atingidos por essa força divina, que acompanha a dádiva.

Sê tu um dos felizes na vida, fazendo alguém feliz.

Procura sentir prazer naquilo que podes dar.

Desperta as tuas emoções mais nobres nos centros da tua vida, desatando a força da esperança nos corações que puderes atingir, pelo teu carinho, pela tua paciência, pela tua caridade e pelo teu amor.

E nunca serás sombra, por fazeres a vontade do Sol da Vida.

Pelo Espírito: CARLOS
Psicografia: JOÃO NUNES MAIA
Do livro: TUAS MÃOS

Sem comentários:

Enviar um comentário