quinta-feira, 25 de abril de 2013

Antônio Roberto Fontana declara: "Chico Xavier é a carta viva do Evangelho em nosso tempo".


HOMENAGEM A CHICO XAVIER: ENTREVISTA DE ANTÔNIO ROBERTO FONTANA, AMIGO DO MÉDIUM
Por Fabio Sousa, 18/04/2013
Meu amigo Antônio Roberto Fontana também o é de Chico Xavier. Hoje, ele nos fala sobre sua vivência ao lado do nosso Francisco Cândido e do que o mesmo representa para todos nós.
FONTANA, À ESQUERDA, EM REFEIÇÃO NA CASA DE CHICO XAVIER EM UBERABA
FABIO SOUSA: Amigo Fontana, muito obrigado por aceitar responder à nossa entrevista. Nos anos em que você militou no Espiritismo ao lado de Chico Xavier, que fatos o marcaram a respeito do médium?
ANTÔNIO ROBERTO FONTANA: Os fatos marcantes nos encontros com o querido Chico Xavier foram muitos... Eu, residindo em Belo Horizonte, não era comum visitar Chico em Uberaba. Nas ocasiões em que lá estive, sempre em companhia de D. Neném (Maria Philomena Aluotto Berutto, presidente de nossa União Espírita Mineira) e José Martins Peralva, participávamos das reuniões no Grupo Espírita da Prece, e, em seguida, isso sim, que era maravilhoso, íamos para a residência de Chico, nós e algumas poucas pessoas. Ali, a reunião prosseguia até altas horas, com Chico sempre bem humorado, conversando, contando muitas histórias. Depois dessas reuniões, ao sairmos, Chico nos convidava para o almoço no dia seguinte. Aí era outra festa. Nessas ocasiões, pouquíssimas pessoas participavam desse almoço. E à mesa, lembro-me, o Chico sempre conversando, fazia esclarecimentos sobre pontos de nossa Doutrina Espírita a nós. Em muitas outras ocasiões, eu e meus amigos, Peralva e D. Neném, encontrávamos com Chico em suas visitas à sua cidade, Pedro Leopoldo, em fins de ano e outras visitas esporádicas. Nessas ocasiões, as conversas iam até quase ao amanhecer, e, em outras, durante todo o dia, quando acontecia da visita ser durante o dia.
FABIO SOUSA: Qual o significado de Chico Xavier para a humanidade?
ANTÔNIO ROBERTO FONTANA: Para mim, Chico Xavier significa para a humanidade uma Nova Era. Ele, de fato, é um autêntico representante da Espiritualidade Superior na Terra. É o protótipo do homem do futuro. O seu rastro de luz é para toda a humanidade. Seus ensinos, exemplo de vivência, os livros que deixou, serão para todas as épocas objeto de estudo.


O AMIGO FONTANA BEM AO LADO DO CHICO
FABIO SOUSA: Você já ouviu Chico dizer que ele é Allan Kardec, direta ou indiretamente? Caso sim, como foi?
ANTÔNIO ROBERTO FONTANA: Não. Nunca ouvi nada de Chico sobre esse assunto. Toda vez que alguém tocava nesse assunto com ele, se esquivava e saía de fininho, com as conversas mais desconexas. Mas, pelo que sei, nos últimos tempos, antes de sua desencarnação, ele já não fugia muito desse assunto. Fato interessante é a mensagem “A Volta de Allan Kardec”, recebida pelo médium Antônio Baduy, recebida perante uma multidão na reunião chamada Cometrim, onde, sem dizer o nome, fica claro que se trata de Chico ser a reencarnação do Codificador. Chico, que enviava periodicamente mensagens em uma caixinha a determinados amigos espíritas (muitos amigos, aliás!), colocava nessas caixinhas a mensagem recebida pelo médium Baduy. Para mim, prova que Chico não só concordava com a mensagem, mas também confirmava ser ele o próprio Kardec reencarnado.
FABIO SOUSA: Eu, graças a Deus, sempre tenho um livro de Chico Xavier perto de mim, na cabeceira da minha cama, na escrivaninha, maleta, estante... estou sempre lendo algo psicografado ou a respeito do Chico e isso me faz muito bem. Os livros de Chico Xavier são extremamente profundos!... Qual a importância dos livros de Chico Xavier para a humanidade?
ANTÔNIO ROBERTO FONTANA: Como disse acima, os livros de Chico Xavier representam para a humanidade um manancial para estudo em todos os sentidos, pois mostram a realidade do mundo dos espíritos, a relação que existe entre encarnados e desencarnados, e, ainda mais, os livros atribuídos ao espírito André Luiz trarão para a ciência informações que elucidarão a criação do Universo, ou melhor, Universos, no que diz respeito à matéria, que a Física já começa a estudar com a chamada Física Quântica.
FABIO SOUSA: E a importância da vida de Chico Xavier para as pessoas como um todo?
ANTÔNIO ROBERTO FONTANA: A importância de Chico Xavier para as pessoas como um todo é que ele representa tudo que o ser humano necessita para crescer. Sua importância, conhecendo mesmo um pouco da vida desse ser, é que ele será sempre um roteiro a seguir. Ele é a carta viva do Evangelho em nosso Tempo.
FABIO SOUSA: O que de mais decisivo para a sua vida você aprendeu na convivência com Chico Xavier?
ANTÔNIO ROBERTO FONTANA: Quando ouvi pela primeira vez o nome de Chico Xavier, muito jovem ainda, já senti algo diferente. Estranhamente, mesmo sem saber detalhes de sua vida, senti que precisava conhecer esse homem. O que aprendi com Chico Xavier, e preciso aprender mais, é a convivência com meus semelhantes, com a paciência, amor ao próximo. Enfim, embora conhecendo esse Homem, sei que ainda estou distante dele milhares de anos luz.
FABIO SOUSA: Quanta saudade, não é mesmo?!...
ANTÔNIO ROBERTO FONTANA: E põe saudade nisso! Chico é uma saudade constante! O que nos conforta é que, embora ele esteja em regiões iluminadas, estará olhando para a humanidade. E nessa humanidade nós estaremos unidos.
Fonte: Vinha de Luz

Sem comentários:

Enviar um comentário